AV. ASSIS BRASIL, 8787, SARANDI, PORTO ALEGRE-RS | CENTRAL DE ATENDIMENTO 0800 51 8555 

Se encuentra usted aquí

FIERGS aproxima indústrias de startups e parques tecnológicos

Inovação
Inovar é preciso. E o caminho mais rápido e econômico para a inovação pode estar bem próximo, nos empreendimentos iniciantes, nas incubadoras e aceleradoras e nos parques tecnológicos. Para fazer a ponte entre a indústria tradicional e essa nova economia, a Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), por meio do Conselho de Inovação e Tecnologia (Citec) e a Rede Gaúcha de Incubadoras de Empresas e Parques Tecnológicos (Reginp), prepara o Roadshow de Inovação Aberta.
 
Com a parceria, unem-se ao projeto uma rede que congrega 14 parques científicos e tecnológicos e 31 incubadoras empresariais, mais a FIERGS e seus 115 sindicatos filiados, que representam cerca de 50 mil estabelecimentos industriais em todo Estado.
 
A iniciativa tem o objetivo de integrar o setor industrial e os ambientes de inovação gaúchos na defesa do crescimento econômico, na expansão dos negócios com geração de valor, de mais renda e emprego e de elevação da qualidade de vida. “As startups podem apresentar soluções mais ágeis e com custos inferiores que os desenvolvidos nas próprias indústrias ou ainda trabalhar em conjunto com áreas de Pesquisa & Desenvolvimento das empresas”, indica o coordenador do Citec, Ricardo Felizzola. “Mais do que apontar alternativas para os problemas, esses negócios inovadores podem criar novos modelos mais rentáveis e competitivos para o setor industrial”, complementa. Para Felizzola, nesse movimento de aproximação entre indústria e novos empreendimentos todos ganham.
 
Os Roadshows de Inovação de Aberta são eventos para geração de ideias, projetos ou produtos aplicados aos setores empresariais de cada região com o objetivo de propor soluções inovadoras que possam se tornar diferenciais competitivos. A programação incluiu um evento de lançamento do projeto em março e ações regionais entre abril e junho em cinco cidades. As datas e locais serão definidos em breve.
 
Para cada região, já há alguns temas preferenciais pré-selecionados, que podem ser ampliados conforme a realidade observada por cada sindicato participante da iniciativa. Em Porto Alegre, o foco deve estar nas indústrias de alimentos, química e de borracha. Em Caxias do Sul, a temática estará relacionada aos segmentos de plástico, metalmecânico e de máquinas e equipamentos. Em Santa Cruz do Sul, a proposta é trabalhar com a agroindústria e o tabaco. Em São Leopoldo, as áreas prioritárias são de saúde e matérias elétricos. E, em Pelotas, o tema de destaque é a construção civil.
 
Mais informações para a indústria podem ser obtidas junto ao Conselho de Inovação e Tecnologia da FIERGS, no telefone (51) 3347-8990.