Se encuentra usted aquí

Responsabilidade Social

Dia da Construção Social registra mais de 57 mil atendimentos no Estado

O Dia da Construção Social atingiu mais de oito mil pessoas no último sábado (17) em Porto Alegre, Sapucaia do Sul, Novo Hamburgo, Santa Cruz do Sul, Capão da Canoa, Pelotas e Santa Maria, registrando um total de 57. 869 atendimentos nas áreas de saúde, educação, lazer e cidadania. O evento foi promovido pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do Rio Grande do Sul (Sinduscon-RS) em parceria com o Sesi-RS, em Porto Alegre, Santa Cruz do Sul e Capão da Canoa. Em Pelotas, a parceria do Sesi-RS é com o Sinduscon Pelotas, em Novo Hamburgo, com o Sinduscon Novo Hamburgo, em Santa Maria, com o Sinduscon Santa Maria, e em Sapucaia do Sul, com o Sinduscom São Leopoldo.

Em Porto Alegre, o diretor-superintendente do Sesi-RS, Edison Lisboa, destacou a importância do tema Educação para a vida: pequenos gestos para construir uma grande cidade. "O segmento da construção civil se torna cada vez mais importante e no dia que celebramos a educação é sempre importante lembrar que estamos aprendendo em todos os momentos", lembrou em seu pronunciamento no Sesi Rubem Berta. "Este evento fica cada vez melhor. O Rio Grande do Sul está em festa, levando qualidade de vida aos trabalhadores do setor em sete municípios do Estado", destacou Paulo Vanzetto Garcia, presidente do Sinduscon-RS. O secretário municipal de Obras e Viação, Mauro Zacher, destacou que o dia da Construção Social é uma data para se comemorar não só o avanço dos indicadores econômicos favoráveis para o setor da construção mas para unir os trabalhadores e seus familiares. "O emprego cresce e se constrói uma cidade sustentável. Parabéns aos corajosos os empreendedores deste ramo, que enfrentam a desgastante burocracia e aos trabalhadores que erguem os prédios que caracterizam o desenvolvimento de uma cidade", concluiu. O Centro de Atividades do Sesi Rubem Berta recebeu 1.659 pessoas e registrou mais de 14 mil atendimentos. O show da escola de samba Bambas da Orgia encerrou o evento.

O CAT de Sapucaia do Sul teve público de 1.667 pessoas, registrando mais de 18 mil atendimentos. Novo Hamburgo teve a participação de 2. 156 pessoas. Pelotas alcançou 2.100 pessoas, totalizando 16.153 atendimentos. Já em Santa Cruz do Sul, o Centro Esportivo do Sesi, registrou 451 pessoas. Em Capão da Canoa, 710 trabalhadores da indústria receberam 3,6 mil atendimentos, enquanto Santa Maria contou com cerca de mil participações e mais de 1.700 atendimentos.

O Dia Nacional da Construção Social é uma iniciativa da Câmara Brasileira da Indústria da Construção que coordena o evento simultâneo em 33 localidades e 22 Estados do País. O objetivo é fortalecer o exercício da responsabilidade social oferecendo acesso à saúde, lazer e qualidade de vida dos trabalhadores e seus dependentes.