Você está aqui

Dilma Rousseff destaca o ensino técnico

Ao participar da solenidade de formatura de mais de 2,3 mil alunos de cursos profissionalizantes do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) no Auditório Araújo Vianna, em Porto Alegre, nesta sexta-feira, a presidenta Dilma Rousseff fez um discurso de valorização da educação, destacando o ensino técnico. Também abordou a mudança que a qualificação para o mercado de trabalho pode trazer às famílias. "Estamos celebrando a formatura de cada um de vocês. Uma formatura é uma história de superação, de luta e de conquista. É um momento de vitória. Eu desejo que o esforço de vocês retorne sob a forma de uma melhor colocação no mercado de trabalho, melhor salário e mais oportunidades. Se tem um conselho que eu poderia dar para vocês, é que nunca parem de estudar e se preparar. Vale também para presidentas da República: a gente sempre tem de estudar, ler, discutir".

Três estudantes das entidades integrantes do Pronatec no País (Senai, Senac e Instituto Federal do RS) representaram todos os alunos do programa e fizeram um juramento simbólico de formatura. Para expressar a importância do ensino técnico, Dilma citou o discurso de posse do presidente Lula, quando o seu antecessor disse: "Esse é o segundo diploma mais importante da minha vida. O primeiro foi quando me formei torneiro mecânico pelo Senai".

O Pronatec conta com o Senai para a execução de cursos que visam à qualificação e à habilitação de profissionais para atender demandas do mercado de trabalho da indústria gaúcha e de todo território nacional. Para este ano, o Senai-RS está ofertando mais de 50 mil vagas em 133 cursos diferentes de Formação Inicial Continuada e 16 Cursos Técnicos de Nível Médios. Conforme o presidente em exercício da FIERGS, José Antônio Fernandes Martins, um país para crescer deve se apoiar em um tripé: competitividade, produtividade e inovação. "Para conseguir que essas capacitações se realizem, a única maneira é através da educação, que vai viabilizar para que nossas empresa sejam mais produtivas, competitivas e inovadoras", defendeu Martins.

Ao tratar do combate à pobreza, com a cerimônia de repactuação do programa RS Mais Igual, o braço gaúcho do Brasil Sem Miséria, Dilma reforçou que os programas de distribuição de renda e de educação precisam ser combinados para elevar as condições de vida da população. A meta é dobrar a renda per capita até 2020. A ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, anunciou o aumento do benefício às famílias de baixa renda com crianças de 0 a 6 anos de R$ 70 para R$ 100.

Veja mais

FIERGS 29/06/2016 às 15h00
 Os alunos do Senai do Rio Grande do Sul estão na última etapa de preparação para Seletiva Worldskills 2017, que será em Abu Dhabi.
Saiba mais
FIERGS 27/06/2016 às 15h07
A Sondagem Industrial de maio, divulgada nesta segunda-feira (27) pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), revela que a produção e o...
Saiba mais
FIERGS 23/06/2016 às 14h54
Representantes de 11 empreendimentos assinaram na manhã desta quinta-feira (23), no Palácio Piratini, o incentivo do Fundo Operação Empresa (Fundopem)...
Saiba mais