Você está aqui

FIERGS lança programa para economizar energia

Ação é preventiva e reduz gastos das indústrias com eletricidade

A Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS) está lançando o Programa de Eficiência Energética para reduzir os gastos com energia, através da aplicação de métodos eficazes que diminuam o consumo das fábricas. Em decorrência da economia geral que será buscada no setor, haverá uma menor demanda, prevenindo dificuldades no suprimento de eletricidade em função do crescimento econômico verificado no País, cujo período mais agudo se dará no verão 2007/2008. "Estamos trabalhando na prevenção, em vez do pronto-socorro ou de eventuais restrições que possam afetar duramente o setor industrial. Ao sermos mais eficientes no consumo energético, também reduzimos os custos de fabricação, e a demanda global cai, favorecendo o equilíbrio na questão do suprimento de eletricidade", afirma o presidente da FIERGS, Paulo Tigre.

A FIERGS, por meio do Conselho de Infra-Estrutura, firmou um convênio com a Eletrobrás para implementar as medidas de eficiência energética. A partir desta semana, os sindicatos industriais estarão recebendo uma pesquisa para ser distribuída junto aos seus associados. O objetivo, nesta primeira etapa, é identificar os segmentos com maior potencial de economia para participar do programa, que contempla um conjunto de ações para minimizar o consumo de energia nos sistemas motrizes já instalados.

A iniciativa é resultado de um estudo elaborado, no início do ano, pela FIERGS para verificar as condições de atendimento a demanda por energia elétrica no Estado, levando em consideração que o crescimento da atividade econômica produz junto ao setor industrial um maior consumo. No atual momento, onde é verificada uma sobrevalorização da moeda frente ao dólar, aliada a especificidade da economia gaúcha de ter uma tendência exportadora muito forte, a implementação da eficientização tem fatores positivos que podem se traduzir em um menor custo no insumo energia elétrica, bem como uma otimização no volume consumido. Desta forma, o setor produtivo passa a ser também um indutor no fortalecimento do sistema elétrico do Rio Grande do Sul pela racionalização a ser implantada.

Programa Procel Indústria

Depois de finalizada a pesquisa e verificados os segmentos com maior gasto energético, os colaboradores das indústrias participantes serão capacitados na área de eficiência energética, de forma gratuita. Especialistas (agentes) do projeto desenvolverão diagnóstico da linha de produção de cada indústria. As empresas que participarem do trabalho poderão ser utilizadas pela Eletrobrás/Procel, como casos de sucesso na disseminação da eficiência energética no Brasil.

Tags: 

Veja mais

FIERGS 22/07/2016 às 12h59
 O Serviço Social da Indústria (Sesi) é a instituição mais lembrada no Brasil quando o assunto é saúde e segurança do trabalho.
Saiba mais
FIERGS 22/07/2016 às 12h52
O Senai-RS conquistou ouro (Tecnologia de Midia Impressa – Murilo Antunes da Silva, na foto), prata (Eletricidade Industrial – Gabriel Mendes) e bronze (...
Saiba mais
FIERGS 21/07/2016 às 14h52
Data de 1956 o registro da chegada dos primeiros japoneses ao Rio Grande do Sul, especialmente para atuar na agricultura. Hoje, são 1,8 milhão de...
Saiba mais