Você está aqui

Indústrias do Sul apresentam propostas para o orçamento da União

As federações de indústrias da Região Sul levam sugestões de obras prioritárias em infraestrutura a serem incluídas no Orçamento Geral da União (OGU) em 2010. No Fórum Industrial Sul, realizado na quarta-feira, em Florianópolis, durante reunião do Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul (Codesul), os dirigentes das entidades buscaram apoio às propostas dos governadores do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. De acordo com as federações, estes projetos somam R$ 5,9 bilhões.

As propostas estão contempladas no documento Obras de Infra-estrutura de Transporte Estratégicas para a Região Sul, que também será enviado aos senadores e deputados federais dos três Estados, ao ministro do Planejamento, Paulo Bernardo; e à ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff. Para o presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), Paulo Tigre, é importante que as federações do Sul tenham contato com o Codesul para que os projetos com foco no progresso econômico passem a ser inseridos nos planos do Conselho. "Nossa prioridade é desenvolver a economia, o emprego e o mercado como um todo", disse Tigre.

O Rio Grande do Sul pede a inclusão de mais de R$ 2,3 bilhões do total do Orçamento Geral. Os recursos serão para investimentos em rodovias (R$ 1,8 bilhão), transporte marítimo (R$ 30 milhões), transporte aeroviário (R$ 250 milhões) e para ferrovias (R$ 288 milhões).

Santa Catarina solicita R$ 2 bilhões, enquanto Paraná reivindica R$ 1,6 bilhão. "Temos que estar junto aos governadores com o objetivo de ajudá-los, orientá-los para organizar assuntos que são de importância para a economia de cada Estado. Este é o momento de sugerir, entregar propostas que serão avaliadas e implementadas posteriormente", disse o presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina, Alcantaro Corrêa. O vice-presidente da Federação das Indústrias do Paraná, Hélio Bampi, ressaltou que esta é uma mobilização estratégica, que terá repercussões no futuro.

No encontro com os governadores, o Fórum Industrial Sul também apresentou um balanço da execução das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) nos três Estados. Estão previstos no PAC para o período de 2007 a 2009 R$ 4,6 bilhões em obras para a Região Sul, porém até o dia 1º de julho foram pagos apenas 43,4% do valor. Em 2008, o Rio Grande do Sul recebeu 55,3% do total de R$ 1,2 bilhão programado no OGU. Para 2009, está orçado R$ 1 bilhão, porém foram pagos, até 1º de julho, 9,8% do total.

Veja mais

FIERGS 22/07/2016 às 12h59
 O Serviço Social da Indústria (Sesi) é a instituição mais lembrada no Brasil quando o assunto é saúde e segurança do trabalho.
Saiba mais
FIERGS 22/07/2016 às 12h52
O Senai-RS conquistou ouro (Tecnologia de Midia Impressa – Murilo Antunes da Silva, na foto), prata (Eletricidade Industrial – Gabriel Mendes) e bronze (...
Saiba mais
FIERGS 21/07/2016 às 14h52
Data de 1956 o registro da chegada dos primeiros japoneses ao Rio Grande do Sul, especialmente para atuar na agricultura. Hoje, são 1,8 milhão de...
Saiba mais