Você está aqui

Ministro apresenta prioridades econômicas e sociais na FIERGS

O Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES),da Presidência da República, se reuniu em Porto Alegre para discutir a Agenda para o Novo Ciclo de Desenvolvimento. Quase cem pessoas participaram do encontro, coordenado pelo ministro chefe de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e que teve como objetivo a discussão do documento. Empresários, trabalhadores, universidades e representantes do governo participaram da reunião.

Padilha destacou cinco pilares para que o desenvolvimento do País aconteça de forma concreta. "A responsabilidade fiscal, a redução das desigualdades, a reinserção econômica internacional, a instrumentação pública, e a parceria federativa são aspectos fundamentais para que tenhamos um novo modelo de desenvolvimento econômico e social", destacou, ressaltando que a inovação tecnológica, as reformas estruturais e a educação são prioridades. "A educação é hoje a nossa questão número um. Assim como o combate à inflação foi uma bandeira, o combate à desigualdade social foi outra, agora é a vez da educação", sentenciou.

O presidente da FIERGS, Paulo Tigre, assinalou a pluralidade do (CDES) na reunião. "A Agenda para o Novo Ciclo de Desenvolvimento é um texto propositivo, não conclusivo, para ser debatido, avaliado, e recebido como um elenco de alternativas para o futuro do País. Vamos avançar nos pontos convergentes e manter aberto o debate nas questões divergentes", afirmou o industrial.

A mesa dos trabalhos foi integrada por empresários- Paulo Tigre e Jorge Gerdau Johannpeter − trabalhadores − Luiz Carlos Barbosa, representando a Força Sindical − o representante da OAB/Nacional, Cezar Britto, e o ministro Alexandre Padilha.

Veja mais

FIERGS 28/07/2016 às 16h28
A Sondagem Industrial de junho, divulgada nesta quinta-feira (28) pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), revela uma retração no...
Saiba mais
FIERGS 25/07/2016 às 15h15
 O cenário de crise econômica no Brasil, que torna o crédito mais caro e restrito e, consequentemente, cria grandes entraves para a obtenção de capital...
Saiba mais
FIERGS 22/07/2016 às 12h59
 O Serviço Social da Indústria (Sesi) é a instituição mais lembrada no Brasil quando o assunto é saúde e segurança do trabalho.
Saiba mais