Você está aqui

O poder do subconsciente na tomada de decisões

A forma como o acaso e o subconsciente influenciam a tomada de decisões foi abordada pelo físico norte-americano Leonard Mlodinow, na plenária da tarde do 1º Fórum de Inovação. O cientista, que também é autor do filme Star Trek − The Next Generation e do seriado MacGyver, e dos livros "Subliminar - Como o Inconsciente influencia nossas vidas" e "O Andar do Bêbado", explicou que o pensamento consciente toma menos capacidade do nosso cérebro do que o inconsciente e, por isso, tem grande peso, mesmo que de forma imperceptível.

Nesse sentido, um dos fatores que emperram a inovação dentro das empresas é a incapacidade de os gerentes reconhecerem a verdadeira utilidade de uma inovação, influenciados por esse inconsciente de experiências anteriores. Ele garante que não há correlação entre o passado e o futuro. "Por isso, os empresários não devem confiar na ilusão gerada por performances do passado. Não é porque houve cinco anos de bons resultados, que eles vão se repetir nos seguintes. Trata-se de um processo aleatório, não definido", afirmou. O fato de os executivos não entenderem o papel do acaso no sucesso e no fracasso é considerada uma grande falha por Mlodinow.

Uma dica deixada aos gestores: "Não fiquem presos ao convencional, um grande executivo não precisa ter grandes ideias, mas sim, saber reconhecê-las". Ele afirmou, ainda, que a inovação é o ato de desenvolver novas soluções que cumpram previamente os requisitos de um mercado. "O maior exemplo disso, temos em Steve Jobs, com a criação dos computadores pessoais, motivo pelo qual era chamado de louco, mas anteviu essa necessidade", declarou.

Ainda à tarde, o dinamarquês Stefan Lindegaard falou sobre inovação aberta. Conforme ele, esse é um caminho sem volta. "As empresas conseguem colocar no mercado mais rapidamente produtos e serviços", defende. Os desafios são abrir a forma de trabalhar a inovação. Lindeggard acredita que é preciso educar todos para a inovação, do chão de fábrica aos grandes executivos. Criar uma networking competente e se comunicar bem.

Tags: 

Veja mais

FIERGS 16/01/2017 às 16h21
A produção industrial gaúcha surpreendeu no mês de novembro, e com 51,1 pontos cresceu em relação a outubro, contrariando a sazonalidade negativa do...
Saiba mais
FIERGS 12/01/2017 às 15h22
O ano de 2016 fechou com as exportações em queda no Rio Grande do Sul. Ao somarem um total de US$ 16,6 bilhões no acumulado dos 12 meses, caíram 5,4% em...
Saiba mais
FIERGS 12/01/2017 às 9h35
Uma comitiva chinesa esteve na FIERGS, nesta quarta-feira (11), recebida pelo coordenador do Conselho de Relações Internacionais e Comércio Exterior (...
Saiba mais