Você está aqui

Saúde

SESI apresenta Programa Indústria Saudável na OMS em Washington

A convite da Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS), o analista técnico do Serviço Social da Indústria (SESI-RS), Antonino Germano, apresentou o Programa Indústria Saudável, durante o evento relacionado ao Dia Mundial de Segurança e Saúde do Trabalho, na sede da entidade, em Washington DC (EUA). O SESI é um dos 55 Centros Colaboradores da OMS em Segurança e Saúde do Trabalho, no mundo, fazendo parte de uma rede colaboradora inter-institucional de centros especializados com objetivo de fornecer cooperação técnica, nos níveis nacional e internacional, através do apoio aos programas da Organização Mundial da Saúde. Germano destacou que o programa tem como objetivo contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores da indústria por meio da promoção de ambientes de trabalho saudáveis.

Entre as linhas de ação do Programa Indústria Saudável estão o Acesso ao Conhecimento e os Diagnósticos de variáveis que influenciam diretamente na produtividade das empresas. Na linha de conhecimento, em 2009 a Campanha SESI em SST teve a adesão de 4.307 indústrias, atingindo 1,4 milhão de trabalhadores. "O SESI, neste ano, também levantou dados de 4.260 empresas em todo o Brasil, atingindo 620 mil trabalhadores, com o objetivo de conhecer as condições de saúde dos industriários. Os resultados subsidiam as indústrias na análise dos investimentos prioritários em SST", explicou.

Antonino também destacou o trabalho realizado junto às empresas usando a metodologia do SESI para oferecer soluções integradas em SST. Em 2009, 490 mil trabalhadores da indústria foram atingidos em todo o Brasil. Ele citou ainda o Programa de Prevenção ao Uso de Drogas no Trabalho e na Família, desenvolvido em parceria entre o SESI-RS e o Escritório contra Drogas e Crimes das Nações Unidas, que está implantado em 60 empresas no Rio Grande do Sul, além de oito escolas, e repassado para 17 Estados do País; e praticado em 26 empresas de outras unidades da Federação. Também está em nove empresas da Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai. O Programa de Prevenção ao Uso de Drogas no Trabalho e na Família alcança cerca de 227 mil trabalhadores.

Veja mais

FIERGS 31/05/2016 às 16h07
Em tempos de crise, a perda da confiança das pessoas nos governos e no mercado gera incertezas e um sentimento de antiglobalização que os países precisam...
Saiba mais
FIERGS 30/05/2016 às 16h19
 O presidente da FIERGS, Heitor José Müller, foi o palestrante da reunião-almoço da Câmara da Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul, nesta...
Saiba mais
FIERGS 30/05/2016 às 14h54
O mês de abril registou nova queda na atividade industrial gaúcha em relação a março, e as expectativas para os próximos seis meses se deterioram entre...
Saiba mais