AV. ASSIS BRASIL, 8787, SARANDI, PORTO ALEGRE-RS | CENTRAL DE ATENDIMENTO 0800 51 8555 

Você está aqui

Trabalho da Escola Sesi de Ensino Médio de Pelotas é primeiro lugar na IV Febrat, da Universidade Federal de Minas Gerais

Ensino
O trabalho Trigonometria na prática: construção do teodolito caseiro com materiais alternativos e teodolito eletrônico de baixo custo dos alunos Nicolas Ledebuhr e Renata Santos da Escola Sesi de Ensino Médio de Pelotas ficou em primeiro lugar na categoria Exatas da Feira Brasileira de Colégios de Aplicação e Escolas Técnicas da UFMG, em Belo Horizonte, encerrada na noite desta quarta-feira. O projeto, orientado pela professora Joseane Amaral, recebeu credenciais para participar de uma feira internacional de matemática na Escócia. Este foi o segundo prêmio do Trigonometria na Prática, que já tinha vencido na MostraRob, promovida pelo Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul) em agosto, em Pelotas. 
 
Neste semestre, alunos da Escola Sesi de Ensino Médio de Pelotas tiveram seus trabalhos aceitos em sete eventos e mostras realizadas no Rio Grande do Sul e outros Estados brasileiros. Em setembro, o projeto Agricultura Horizontal por Hidroponia em Áreas Urbanas foi destacado no Salão Jovem da Ufrgs, e outros 11 foram aceitos e participaram da mostra. “Nossa alta frequência em eventos deste tipo mostra os resultados que estamos obtendo em nossa missão de preparar jovens para o mundo do trabalho com excelência acadêmica”, lembra o diretor-superintendente do Serviço Social da Indústria (Sesi-RS), Juliano Colombo. Ainda em outubro, a escola terá projetos na Mostratec, em Novo Hamburgo e, em novembro, na Mostra de Ciência e Tecnologia da Zona Norte de Natal e no Ciência Jovem, de Pernambuco. 
 
O estímulo à inovação, criatividade, responsabilidade social, sustentabilidade e motivação são parte do dia a dia de estudantes e professores das escolas do Sesi-RS. Inspirada nas melhores práticas nacionais e internacionais de educação, a metodologia busca o desenvolvimento integral do estudante com a construção de competências e habilidades via resoluções de problemas pautados no mundo do trabalho e com uma avaliação desafiadora e motivadora do aluno. 
 
A primeira escola de ensino médio do Sesi começou a funcionar em 2014, em Pelotas, e já foi reconhecida pelo MEC como uma das 177 instituições de todo o País como exemplo de inovação e criatividade na educação básica. Além da unidade na região Sul, o Sesi conta com uma escola de ensino médio em Sapucaia do Sul e em 2017 iniciam o funcionamento as unidades de Montenegro e Gravataí.