AV. ASSIS BRASIL, 8787, SARANDI, PORTO ALEGRE-RS | CENTRAL DE ATENDIMENTO 0800 51 8555 

Você está aqui

base florestal

Restrições impostas ao plantio por órgãos da área ambiental e excesso de burocracia ameaçam um dos mais importantes setores industriais no Estado. O assunto foi tema de debate durante esta quinta-feira (17), no Encontro da Cadeia Produtiva de Base Florestal, promovido pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), por meio do Comitê da Indústria de Base Florestal e Moveleira. “Este evento discute uma política de desenvolvimento para essa importante atividade econômica integrada.

A Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), por meio do Comitê da Indústria de Base Florestal e Moveleira, realiza na próxima quinta-feira, 17 de maio, o Encontro da Cadeia Produtiva de Base Florestal. O evento será realizado na sede da FIERGS, em Porto Alegre, com início às 11h, reunindo industriais, empreendedores, investidores, produtores da cadeia de base florestal e prestadores de serviços para conhecer a realidade global e as diferenças regionais do setor que afetam a sua competitividade.

Ausência de linhas de crédito, licenciamento ambiental da silvicultura, carência de mão de obra qualificada, de pesquisa e incentivo à inovação, complexa tributação estadual e federal, falta de um Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE), o artigo 18 do Código Florestal do RS, que prevê a reposição florestal e formação de estoque, além da ausência de um marco institucional.