AV. ASSIS BRASIL, 8787, SARANDI, PORTO ALEGRE-RS | CENTRAL DE ATENDIMENTO 0800 51 8555 

Você está aqui

eeba

O 35º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA 2017) finalizou sua programação com números e percepções otimistas. O futuro das relações comerciais entre as indústrias dos dois países foi projetado a partir do protagonismo de Brasil e Alemanha em seus blocos econômicos, Mercosul e União Europeia, respectivamente.

O estande do Serviço Social da Indústria (Sesi-RS) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-RS) no Encontro Econômico Brasil Alemanha apresenta várias oportunidades para as indústrias. Uma delas é o Edital de Inovação para a Indústria – Sebrae, Sesi, Senai. Os 12 projetos gaúchos aprovados no ciclo um foram homenageados pelo Senai-RS. A startup Biopolix e o Instituto Senai de Inovação em Engenharia de Polímeros terão 18 meses para desenvolver o projeto Biopelets nanoestruturado para plástico biodegradável.

Os seis debatedores do Fórum “Parceria em PMEs: Ambiente de negócios e facilitação de comércio” realizado durante o 35º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA 2017), na Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), foram unânimes em elencar a tributação brasileira e a burocracia dos dois países como entraves para os negócios. Como destacou a moderadora, a jornalista do Die Welt/Welt-Gruppe, Hildegard Stausberg, a questão das pequenas e médias empresas no mundo é um grande elefante branco, em que muito se discute, mas pouco é concretizado.

As atividades do primeiro dia do 35º Encontro Econômico Brasil Alemanha também tiveram espaço para confraternizações entre os participantes. Ao final da agenda de reuniões de negócios, fóruns temáticos e debates, na segunda-feira (13), o evento reuniu 1,5 mil convidados especiais para conhecer produtos típicos da gastronomia gaúcha, especialmente a produção de itens que já são exportados para diversos mercados europeus, como vinhos, espumantes e carnes.

Na manhã desta segunda-feira (13), o 35º Encontro Econômico Brasil Alemanha (EEBA 2017) confirmou todas as expectativas que estavam sendo construídas pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pela Federação das Indústrias da Alemanha (BDI) em relação ao ambiente de negócios mais favorável para gerar resultados para os dois países.

Mais de 2 mil empresários vão participar do 35º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA 2017), na sede da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), em Porto Alegre, entre 13 e 14 de novembro. Entre eles, estão confirmados importantes executivos de grandes multinacionais brasileiras e alemãs, como Volkswagen AG (caminhões), SAP Brasil, Bosch America Latina, Siemens Brasil, além de representantes dos patrocinadores, Commerzbank, Fraport, Gerdau, Stihl, Ibravin e Wines From Brazil, Bayer e Banco do Brasil.

O 35º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA 2017) será realizado entre 12 e 14 de novembro, em Porto Alegre, no Centro de Eventos da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS). A expectativa é de que mais de 2 mil pessoas vivenciem um dos eventos mais importantes da agenda das relações entre os dois países, principalmente, empresários, executivos, representantes do poder público e diplomático.

O 35º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA 2017), que será realizado entre 12 e 14 de novembro, em Porto Alegre, no Centro de Eventos da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), já mobiliza os representantes de empresas que devem torná-lo um dos maiores da história.

O cônsul-geral da Alemanha em Porto Alegre, Stefan Traumann, esteve com o presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), Gilberto Porcello Petry, nesta segunda-feira (18). O 35º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA), que ocorre de 12 a 14 de novembro de 2017, na sede da instituição, foi um dos temas tratados.

A 35ª edição do Encontro Econômico Brasil Alemanha (EEBA), o maior evento bilateral entre os dois países, recebeu nesta quarta-feira (7), duas importantes notícias. O grupo alemão Fraport, que venceu o leilão de concessão do Aeroporto Internacional de Porto Alegre, será um dos seus patrocinadores oficiais. Da mesma forma, a Gerdau confirmou o patrocínio. Os anúncios foram feitos durante reunião com empresários e representantes de associações e entidades na Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS).