You are here

A inovação foi o destaque na fala das autoridades que participaram da cerimônia de abertura da 28ª Mercopar – Feira de Inovação Industrial. Realizada pelo Sebrae-RS e Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), em seu primeiro dia, nesta terça-feira (1º), a feira contou com a presença do presidente da FIERGS e do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae-RS, Gilberto Porcello Petry; do secretário de Estado de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luis Lamb, representando o governador Eduardo Leite; do prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra; do diretor técnico do Sebrae Nacional, Bruno Quick; do presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs), Odir Dellagostini, entre outros presentes.

O presidente Gilberto Petry ressaltou que conhece a feira há muito tempo. “Sou testemunha dos resultados dessa iniciativa que começou há 28 anos, ainda quando o mundo era analógico. Hoje, tenho a oportunidade de abrir a Mercopar na dupla condição de presidente do Conselho do Sebrae e de presidente da FIERGS. Na verdade, essa edição marca um novo ciclo da Mercopar, agora já no mundo digital que vivemos neste século 21”, ressaltou Petry.
 

28ª Mercopar - Petry

Crédito foto: Eduardo Rocha

Conforme ele, a dinâmica das empresas passou a exigir novas formas de pensar, conceber e modelar produtos e seus processos. “Hoje, também é um dia marcante, pois iremos lançar importantes iniciativas direcionadas para a indústria gaúcha. Serão disponibilizados recursos e apoio técnico para 32 projetos, numa parceria do SesiI, Senai, IEL, Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul e Sebrae-RS”, afirmou.

O diretor técnico do Sebrae Nacional, Bruno Quick, disse que este evento não acontece em Caxias do Sul por acaso. “Essa feira nasceu com subcontratação e agora é um espaço de inovação. A cidade construiu essa feira e hoje, com 28 anos, ela é um exemplo a ser seguido no Brasil. O País fez a escolha de estar dentre os países desenvolvidos. O mês de agosto foi o melhor mês em cinco anos para o emprego”, observou Quick.

O prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra, destacou o acréscimo de 63% no número de expositores, o que deve aumentar ainda mais nos próximos anos. “Caxias já está com a garantia de R$ 200 milhões para a construção do novo aeroporto. Desejo uma feira de muito sucesso e muita prosperidade para todos”, disse Guerra.

Para o secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luis Lamb, o Estado colocou a inovação como o centro da sua economia. “Essa região está mostrando que sim, podemos dar mais um passo. O Rio Grande do Sul é um estado empreendedor e dá o exemplo através da pujança que é a Mercopar. Este é um ambiente propício para muita interação”, acrescentou.

Numa área ocupada de 15.500 m², marcam presença na feira 315 empresas do Rio Grande do Sul, Santa Cataria, Paraná, São Paulo e da Alemanha, focadas nos setores metalmecânico, eletroeletrônico, automação industrial, movimentação e armazenagem de materiais, serviços industriais, borracha, energia e meio ambiente, plásticos, Tecnologia da Informação (TI) e startups.  A 28ª Mercopar tem o patrocínio da Marcopolo, Porto de Rio Grande, Randon e Sicredi Pioneira. Mais informações e a programação completa estão disponíveis no site www.mercopar.com.br.

28ª Mercopar - abertura

Crédito foto: Eduardo Rocha

Publicado Tuesday, 1 October 2019 - 4h49
30/09/2022
Educação Empresarial
30/09/2022
Institucional