You are here

Edital Gaúcho de Inovação para Indústria tem nove projetos no segundo ciclo

O Edital Gaúcho de Inovação para a Indústria, promovido pelo Sesi, Senai, IEL e Sebrae, com apoio da FIERGS, da Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia do Estado do Rio Grande do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs) e Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), teve nove ideias aprovadas que serão desenvolvidas em até 15 meses. Neste segundo ciclo, 28 ideias foram inscritas. O fomento busca promover a cultura da inovação e aumentar a competitividade da indústria gaúcha.

Dos nove aprovados, três serão desenvolvidos no Instituto Senai de Tecnologia em Petróleo, Gás e Energia. São eles: Reciclagem de Módulos Fotovoltaicos, da Biorefinery Sustainable Solutions, de Novo Hamburgo; Telemetria de baixo custo para medidores que não possuem dispositivo de comunicação, da Creluz (Cooperativa de Geração de Energia e Desenvolvimento), de Rodeio Bonito; e o Smart Fenix 3 – Modularização da Recuperação Energética de Resíduos, de João Carlos Ferreira de Andrades, de Getúlio Vargas.  Dois ficarão no Instituto Senai de Tecnologia em Madeira e Mobiliário: Célula de Produção Integrada, da Akeo Industrial Ltda, e SISA (Sistema com algoritmos avançados para controle de produção não seriada), da Norte Sul Indústria de Móveis Ltda, ambas de Bento Gonçalves. O projeto Eco Revestimento Multiflex Verde, da Ambiente Verde Indústria Ltda, de Taquara, será desenvolvido no Instituto Senai de Tecnologia de Calçado e Logística Industrial e o NanoKurion (couro para fabricação de EPIs para uso em altas temperaturas), da JGB Equipamentos de Segurança Ltda, de São Jerônimo, ficará no Instituto Senai de Tecnologia em Couro e Meio Ambiente.

O Instituto Senai de Inovação em Soluções Integradas em Metalmecânica vai desenvolver o projeto Dosímero de Radiação Ionizante em tempo real IoT, da Vanellusrad Consultoria em Tecnologia da Informação Ltda, de Porto Alegre, e o Centro de Inovação Sesi em Fatores Psicossociais terá o projeto Diversidade Ampliada, da Mercur S/A, de Santa Cruz do Sul.

O edital gaúcho de inovação busca promover a cultura da inovação e aumentar a competitividade da indústria gaúcha. “A estrutura do Senai e dos outros parceiros pode transformar apenas uma ideia em um produto inovador”, destaca o diretor-regional do Senai-RS, Carlos Trein. O edital disponibiliza recursos entre R$ 200 mil e R$ 600 mil por projeto.

A edição de 2021 está com inscrições abertas até 25 de agosto e podem ser feitas pelo site www.egii.com.br.

Publicado Monday, 26 July 2021 - 12h23