AV. ASSIS BRASIL, 8787, SARANDI, PORTO ALEGRE-RS | CENTRAL DE ATENDIMENTO 0800 51 8555 

Você está aqui

FIERGS participa de missão à China

Representatividade

Uma comitiva liderada pela presidente Dilma Rousseff está na China com o objetivo de mostrar que o Brasil tem produtos de qualidade para vender aos asiáticos. De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, 24 empresas e 10 entidades empresariais integram o grupo, entre eles o presidente da FIERGS e do Conselho de Integração Internacional da CNI, Paulo Tigre.

Para o governo brasileiro, as oportunidades oferecidas pelos chineses são diversas. O diretor do Departamento de Promoção Comercial do Ministério das Relações Exteriores, embaixador Norton Rapesta, afirmou que o Brasil e a China podem ampliar as parcerias em setores como moda, alimentação, tecnologia, infraestrutura e energia. Na visita, Dilma Roussef encerrará o Fórum Empresarial Brasil-China na presença de cerca de 600 pessoas.

Parte da missão coordenada pela CNI estará também no Fórum Empresarial dos BRICS (bloco do Brasil, Índia, China e Rússia) para discutir, entre outros temas, o crescimento da importância dos quatro países na economia mundial e o uso de energias alternativas. Para os empresários brasileiros, o mercado chinês é fundamental, mas eles também cobram limites para as importações oriundas do país asiático. Em 2010, o saldo da balança comercial do Brasil com a China foi superavitário em US$ 5,1 bilhões, totalizando US$ 30,7 bilhões. "O desafio maior é aumentar as exportações de produtos com valor agregado, uma vez que 60% da pauta comercial são de matérias-primas, principalmente de minério de ferro", afirmou Paulo Tigre.

Tags