Você está aqui

Pesquisa

Cenário se agrava e baixa a confiança do industrial gaúcho

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI-RS), divulgado nessa quarta-feira (20) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), revela que o otimismo no setor continua fortemente abalado por conta da crise do coronavírus. Após desabar 28,3 pontos em abril, o ICEI-RS recuou mais 0,7 em maio, caindo para 32. É o menor nível da série mensal iniciada em 2010.

Índice de produção industrial recua no RS e intenção de investir diminui

O índice da produção industrial gaúcha voltou a cair no final de 2022, segundo a Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS). Registrou 39,8 pontos, em dezembro, queda bastante acentuada na comparação com novembro, quando se manteve estável, alcançando 50,1. Os resultados estão na pesquisa Sondagem Industrial do RS, realizada pela entidade, mostrando que, apesar de reproduzir o padrão do período, com muitos feriados e férias coletivas no setor, a produção não cresce há quatro meses, com três quedas e uma estabilidade, o que já afeta o mercado de trabalho.

Indústria gaúcha inicia o ano mais pessimista

O Índice de Confiança do Empresário Industrial gaúcho (ICEI-RS) atingiu 46,9 pontos em janeiro de 2023, uma queda de 2,6 pontos comparado a dezembro de 2022. Essa foi a terceira redução nos últimos quatro meses, período em que perdeu 16,0 pontos e atingiu o valor mais baixo, com exceção dos meses de abril a junho de 2020, desde junho de 2016. Somente em 2009, 2015 e 2016, a indústria gaúcha iniciou o ano com a confiança tão baixa. O resultado foi divulgado nesta terça-feira (24) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS).

Produção não cresce há três meses e provoca impacto no emprego, revela FIERGS

Com estabilidade na produção, a atividade industrial gaúcha desacelera e traz como consequência a queda do emprego, revela a Sondagem Industrial RS de novembro, divulgada nesta quinta-feira (22) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS). O resultado da pesquisa confirma a mudança no cenário iniciada em outubro, e repercute nas expectativas. “A transição entre governos com políticas econômicas distintas traz algumas incertezas e provoca cautela entre os empresários industriais”, diz o presidente da FIERGS, Gilberto Porcello Petry.

Indústria gaúcha termina o ano com falta de confiança

Apesar de subir 0,7 ponto em dezembro em relação a novembro, o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI-RS), divulgado nesta quarta-feira (21) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), termina o ano em 49,5 pontos. Abaixo da linha dos 50, indica ausência de confiança entre os empresários gaúchos. O resultado do mês ao menos reverte duas quedas consecutivas, sendo que a última, de 10,4 pontos em novembro, com recuo para 48,8, foi a segunda maior da série histórica.

RS registra segundo mês consecutivo de queda na atividade industrial

O Índice de Desempenho Industrial gaúcho (IDI-RS), divulgado nesta quinta-feira (8) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), sofreu a segunda queda consecutiva em outubro, 1,6%, em relação a setembro, quando caiu 1,8%. O resultado devolve grande parte da alta de 5,6% acumulada entre os meses de junho e agosto, na série com ajuste sazonal. Recuo no IDI-RS por dois meses consecutivos não ocorria desde maio de 2021. “A atividade industrial gaúcha passa por um período de acomodação, voltando à trajetória oscilante que caracterizou a primeira metade do ano.

Sondagem Industrial da FIERGS revela atividade em queda e estoques em alta

A Sondagem Industrial do RS de outubro, divulgada nessa segunda-feira (21) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), revela forte deterioração da atividade industrial, a primeira queda do emprego em 28 meses e acúmulo de estoques e, como consequência, a volta do pessimismo na indústria gaúcha. O índice de produção atingiu 49,6 pontos e, um pouco abaixo de 50, indica leve queda, a segunda seguida, em relação a setembro. O resultado, porém, é bem mais negativo se considerado a sazonalidade positiva do mês.

Indústria do Rio Grande do Sul perde confiança

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI-RS) desabou entre outubro e novembro, aponta pesquisa divulgada pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), nesta quarta-feira. Caiu 10,4 pontos, de 59,2 para 48,8. Essa foi a segunda queda consecutiva, totalizando 14,1, além da segunda maior da série histórica, perdendo apenas para a pandemia, em abril de 2020. Isso levou o índice à faixa de falta de confiança (abaixo de 50 pontos) e ao menor nível desde junho de 2016, excluindo o período de abril a junho de 2020.

Atividade industrial gaúcha recua, mas continua em patamar elevado

O Índice de Desempenho Industrial (IDI-RS), divulgado nessa segunda-feira (7) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), caiu 1,7% em setembro, na comparação com agosto, interrompendo uma sequência de três meses consecutivos de alta. É a terceira contração em 2022, mesmo assim, o IDI-RS se encontra 4,8% acima do patamar em que iniciou o ano e 13,4% além do nível anterior ao da pandemia, em fevereiro de 2020.